Como chegaram Esporte CSG e Bola na final do futebol da Série A de São Gonçalo/RN. Vantagem quase zero

Vai ser parada dura a final do campeonato de futebol da primeira divisão de São Gonçalo, Esporte CSG e Bola Murcha.

A caminhada foi por estradas diferentes e no final quase um empate técnico, nesse aspecto a vantagem é quase zero, não dá para apontar favoritismo algum.

O Esporte, o rubro negro, jogou sete vezes, foram três vitórias, quatro empates e zero derrota, marcou oito gols e sofreu apenas dois, tem saldo de seis positivo.

O Bola, o tricolor, jogou seis vezes, foram três vitórias e três empates, zero derrota, marcou onze gols, sofreu quatro, tem saldo sete positivo.

A única diferença apontada em relação ao número de jogos do Esporte ter sido maior, é que o Bola por ter se classificado em primeiro lugar na fase classificatória, como vantagem não participou do primeiro mata-mata.

Esse é o único ponto que pode ser reavaliado e que pode mostrar uma ligeira vantagem do Bola, mas muito superficialmente, nada que o tenha como favorito.

É decisão, os dois times se nivelam, é clássico, vale o jogo extra, o chamado jogo de camisa. O Esporte CSG em busca do hepta e o Bola perseguindo o tri.

O campeão levará um prêmio em dinheiro no valor de 10 mil reais, enquanto que o vice garante mais 5 mil reais, outros 400 reais são divididos entre o goleiro menos vazado e o artilheiro da competição.

Resta-nos esperar até o dia 16 de dezembro. Até lá!