Lembra dele? Ex-Flamengo, Val reforça Cruzeiro “genérico” na segunda divisão do RN

Foto: Alexandre Vidal/Fla Imagem

Volante de 35 anos inicia treinamentos no Cruzeiro de Macaíba, clube da cidade onde nasceu. Jogador também tem passagens por América-RN, Mogi Mirim, Bahia e Botafogo-PB

O Cruzeiro de Macaíba apresentou na tarde desta terça-feira o volante Val, de 35 anos, para a sequência da segunda divisão do Campeonato Potiguar. O jogador que defendeu o Flamengo em 2013 – e tem passagens por clubes como Bahia, Mogi Mirim e América-RN – chega ao Espantalho do Interior dois dias após a derrota para o Alecrim, na estreia da equipe na Segundona. O meia volta ao futebol potiguar após quatro anos e vai ser peça fundamental da reconstrução do plantel após a chegada do treinador Romildo Freire.

Foto: Alexandre Vidal/Fla Imagem
Foto: Alexandre Vidal/Fla Imagem

Val é natural de Macaíba e foi revelado pelo São Gonçalo. Depois, defendeu o Baraúnas – estava no grupo que eliminou o Vasco na Copa do Brasil de 2005, em São Januário. No Alecrim, conseguiu o acesso inédito para a Série C. Após se destacar pelo Mogi Mirim no Campeonato Paulista de 2013, foi contratado pelo Flamengo, sendo campeão da Copa do Brasil daquele ano. Do Rubro-Negro retornou para o América-RN, e jogou novamente por Mogi Mirim e Botafogo-PB, seu último clube, no fim da temporada 2017.

Recentemente, Val vinha disputando competições de futebol de 7 por uma equipe de Macaíba.

Segundo Célio Isidro, coordenador de futebol do Cruzeiro de Macaíba, Val já era um dos principais alvos do clube durante a pré-temporada, mas o acerto foi inviabilizado por questões financeiras e administrativas do clube. Célio revelou que Val ainda não está regularizado para estrear na competição e detalhes da transferência ainda estão pendentes. O próximo compromisso da equipe é no domingo, contra o Palmeira-RN, no Frasqueirão.

– É de uma importância enorme contar com o Val, porque nós queríamos ele desde o início, mas infelizmente não estávamos com recursos para que essa contratação se concretizasse. Alguns problemas internos fizeram com que a coisa não andasse, mas conseguimos agora nesse segundo momento conversar com Val e ele aceitou nosso convite – disse Célio ao GloboEsporte.com.

Com a chegada do novo comandante, Célio afirma que o Cruzeiro-RN deve fazer outras avaliações no elenco e contratar novos jogadores para a sequência da competição.

Fonte: globoesporte.rn